Feeds RSS

Só me resta agradecer!!!

domingo, setembro 18, 2011

Leitura e Interpretação de texto para 3º ano

Assunto: Índios

Turma da Mônica em: Índios
( Autor: Maurício de Souza )

Cebolinha e Mônica foram até a tribo do seu amigo o índio Papa - Capim.
O Pajé iria começar a falar:
- Araã!
Cebolinha o interrompeu:
- Ah!”Alaã” significa “olá”,em Tupi-Gualani!
- Quieto Cebolinha! (falou Mônica)
- É!Respeito!O Pajé é o homem mais velho e mais sábio da aldeia!(falou Papa - Capim)
Quando o Pajé escorregou em uma casca de banana e POF!
Cebolinha falou:
- Que tal só “o mais velho”?
- Cebolinha! – exclamou Mônica
O Pajé ficou meio chateado por ter escorregado em uma casca de banana, mas continuou o papo com eles.
Papa - Capim prosseguiu com a conversa, para tentar disfarçar a situação.
- O velho é o dono da história entre nós, os índios!Ele sabe o porquê das coisas, os mitos, as lendas da floresta...Ele sabe de onde veio o índio...
Enquanto isso, o Pajé foi até a sua oca e pegou o seu notbook e falou:
- Calma!To pesquisando na internet!
Cebolinha ficou abismado com o que viu e disse:
- Hein!
Papa - Capim não gostou do que viu e disse bem bravo:
- Pajé!
Mônica achou engraçado e riu da situação.
O Pajé sabiamente consertou o que fez dizendo:
- Brincadeira, meu pequeno Curumim!A história está aqui, na minha cabeça!Vamos falar sobre os índios!Primeiro de onde veio o nome “índio”?
Mônica entusiasmada falou:
- Eu sei!Eu sei!Tudo começou com o navegador Genovês Cristóvão Colombo, quando ele partiu da Espanha à procura de um novo caminho para as Índias!Cristóvão Colombo estava super ansioso para viajara e imediatamente preparou tudo e assim seguiu para Índias que fica na Ásia.Depois de muito navegar, e ainda pro lado errado, finalmente, achou terra, e ao descobrir a América em 1492, não pensou duas vezes: estava nas Índias e por isso deu o nome de índios aos habitantes daquelas terras!
O Pajé admirado com a sabedoria de Mônica a elogiou:
- Muito bem, menina dentuça que tem revista em quadrinhos!
Cebolinha caiu na gargalhada e Mônica não gostou nem um pouco da gracinha do Cebolinha.
Mas, a conversa continuou.
- Bom...Mas...É como o “índio” chegou à América?(Perguntou o Pajé)
- De disco voador? (falou Cebolinha)
- De ônibus? (falou Mônica)
- Numa grande canoa? (falou Papa - Capim)
- Não!De ponte! (respondeu o Pajé)
- Pooonte?! (falaram todos abismados)
- Sim!Dizem que, naquela época,uma ponte de gelo ligava a Ásia com a América do Norte,através dessa ponte natural (Estreito de Bering),muitos animais e um grupo de humanos vieram para nosso continente,há cerca de 12 mil anos!Depois,se espalharam por todo o continente até o sul.
- Foi assim que chegaram ao Brasil? (perguntou Mônica)
- Isso mesmo “menina do vestido vermelho!” – continua o Pajé – Antes da chegada do homem branco, havia 6 milhões de índios no Brasil.
- Nossa!Quantas tlibos deviam ter aqui? – perguntou Cebolinha
- Muitas!Mas, em vez de cinco fios de cebola dizer “tribo”,diga “povo” ou “nação indígena” (falou Pajé)
Mônica não deixou passar barato e foi logo rindo da cara do Cebolinha:
- Há!Há!Há!Cinco fios de cebola!
- Quieta! – falou Cebolinha chateado.
O Pajé continuou:
- Hoje somos 350 mil índios, divididos em 220 povos e mais de 180 línguas!E vocês sabem quando houve o primeiro contato entre índios e brancos no Brasil?
Cebolinha prontamente falou:
- Clalo, foi com os poltugueses em 1500!
- Como você sabe? (falou Mônica admirada)
- Intelnet!(falou Cebolinha)
- Continua, Pajé!(falou Mônica)
- As duas culturas eram muito diferentes, então nada mais normal que se estranhassem e se estudassem a distância!Os índios não usavam roupas como os portugueses, esse foi um fato chocante para ambos.Mas, depois trocaram presentes e em seguida, trocaram liberdade pela escravidão.Muitos índios contraíram as doenças de homens brancos e morreram.Outros morreram lutando por suas terras.Uns foram catequizados na fé cristã do branco.Outros se misturaram ao branco e ao negro e formaram o povo brasileiro.Cafuzo (união de índio com negro), mameluco (união de índio com branco), nós nunca esquecemos nossa origem e nem o orgulho de ser índio!
- Muito bem! (exclamou Cebolinha)
- Nossa que bela história! (falou Mônica)
- Pois é Mônica, o que mais queremos é viver em paz e harmonia com a natureza e que o homem branco respeite o modo de vida do índio!Dizemos entre nós, que o velho é dono da história, o índio é dono da aldeia e a criança é dona do mundo!!!Que seja um mundo maravilhoso para todos nós!(concluiu Papa - Capim)


* Vamos interpretar?


1) Responda com respostas completas de acordo com o texto acima:

a) Por que os índios receberam esse nome dos portugueses?
b) Como os índios chegaram a América?
c) Quantos índios haviam aqui no Brasil antes do homem branco chegar?
d) Por que os portugueses a princípio acharam os índios diferentes?

2) Complete as frases com o auxílio do banco de dados:



a) Em Tupi-Guarani “Alaã” quer dizer _______________.
b) Os portugueses descobriram o _________________ em 1500.
c) Alguns índios foram ____________________ na fé cristã.
d) Cristóvão Colombo partiu da ______________ rumo a Índias.

3) Coloque ( V ) se for verdadeiro ou ( F ) se for falso:

( ) O Pajé escorregou em uma casca de laranja
( ) Hoje em dia existem 350 mil índios, divididos em 220 povos e mais de 180 línguas
( ) Depois dos portugueses,alguns índios foram estudar em Portugal.
( ) Cristóvão Colombo descobriu a América em 1492.

4) Sublinhe as frases corretas:

a) O Pajé queria fazer pesquisas com o seu notbook.
b) Para os índios o velho é dono do mundo.
c) Cafuzo é a união de índio com negro.
d) Devemos chamar a tribo de nação dos diferentes.

5) Complete os quadradinhos com a resposta correta:

a) Alguns índios morreram lutando com os portugueses por suas ----.
b) Os índios dizem que eles são os donos da ---.
c) Mameluco é a união de índio com ----.
d) Os índios perderam a sua liberdade e se tornaram ---- dos portugueses.